Tel.: 55-21-2544-0048 - Fax: 55-21-2544-0577 - E-mail: aebbras@aeb.org.br
Página Inicial
 
 
área do associado
E-mail 
Senha 
Acessar   |    Recuperar Senha  
 
 

21/05/2014
Panorama Brasil-Argentina - Maio de 2014

 18° edição do Panorama Defesa Comercial, referente ao mês de maio, contendo, dentre outros temas:

 
Panorama Econômico: No primeiro trimestre de 2014, o saldo comercial argentino foi de US$ 121 milhões (queda de 91,9% em relação ao mesmo período de 2013). Trata-se do valor mais baixo dos últimos 14 anos para o primeiro trimestre.
 
Comércio Bilateral:  No primeiro trimestre do ano, o fluxo comercial bilateral entre Brasil e Argentina apresentou declínio de 17% em relação ao mesmo período de 2013, com queda de 21% nas exportações argentinas para o Brasil e redução de 13% nas importações argentinas originárias do Brasil.
 
Restrições Comerciais: A aprovação das importações tem sido condicionada ao prazo de pagamento e ao montante da operação. Em consulta realizada pela FIESP, alguns setores registraram atrasos na aprovação das DJAIs superiores a 490 dias.
 
Desvio de Comércio: As exportações brasileiras para a Argentina ganharam participação em 10 setores no primeiro trimestre do ano, em relação ao mesmo período em 2013. No mesmo período, o Brasil perdeu participação nas importações argentinas em 11 setores.
 
Aumento temporário do imposto de importação: A Argentina publicou nova lista de 100 produtos cuja alíquota do imposto de importação será temporariamente elevada para países de origem extrazona.
 
Aprofundamento dos controles aduaneiros: A Argentina passou a exigir dos operadores aduaneiros o registro antecipado das informações relativas aos contêineres utilizados no comércio internacional de mercadorias.
 
Acordo Automotivo: O acordo automotivo entre Brasil e Argentina expira em 30 de junho de 2014. Há expectativas de renovação do acordo por mais um ano.
 
O documento também pode ser visualizado no link abaixo: 
 

Outros Artigos de Publicações Diversas
 
MDIC/SECEX
Balança Comercial Brasileira
A Balança Comercial Brasileira consolida os dados de exportação e importação por produtos, países, blocos, estado produtor, portos, via de transporte. É uma publicação da Secretaria de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento. Indústria e Comércio Exterior.
 
FUNCEX - Fundação Centro de Estudos do Comércio Exterior
Revista Brasileira de Comércio Exterior
A RBCE tem foco editorial nos principais temas do comércio exterior, como avaliações sobre políticas adotadas pelo Brasil e principais players globais, para tanto acompanha os acordos internacionais, divulga estudos e pesquisas, apresenta depoimentos empresariais, resenhas bibliográficas e artigos inéditos em economia e negócios internacionais.
 
04/12/2015 - FUNCEX/CNI
Coeficientes de Abertura Comercial - Jul/Set 2015
Para o cálculo dos coeficientes de abertura comercial a preços constantes, parte-se dos valores reais das exportações, das importações e da produção industrial, isto é, retira-se dos valores nominais dessas variáveis os efeitos de mudanças nos preços. Com esta análise, busca-se minimizar o efeito da taxa de câmbio nominal sobre o valor das exportações e importações quando medido em moeda doméstica e, consequentemente, sobre a evolução dos coeficientes.

ver todas
 
voltar     |     topo     |     imprimir
Av. General Justo, 335, 5º andar – Centro
20021-130 – Rio de Janeiro – RJ
Tel.: 55-21-2544-0048/2544-0180/2544-0313/2544-0434
Fax: 55-21-2544-0577
E-mail: aebbras@aeb.org.br
  Copyright © 2011 - Associação de Comércio Exterior do Brasil - AEB